O que é ISO 9001

A ISO (International Organization for Standardization) é uma organização fundada em 1946 e sediada em Genebra, na Suiça. Seu propósito é desenvolver e promover normas que possam ser utilizadas por todos os países do mundo.

Mais de 111 países integram esta importante organização internacional especializada em padronização. O Brasil é representado pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas).

A ISO possui uma família de normas que trata de qualidade: a ISO série 9000. Nesta família está a ISO 9001, que trata dos requisitos para sistemas de gestão da qualidade. Uma organização que possui um sistema de gestão da qualidade de acordo com a norma ISO 9001 pode solicitar a certificação e obter o “selo de conformidade ISO 9001”. A versão brasileira da ISO 9001 chama-se ABNT NBR ISO 9001.

A ISO 9001 é um sistema de gestão da qualidade (SGQ) concebido para desenvolver e manter um portfólio de serviços que permitem às empresas melhorar seu desempenho e se beneficiar com a implementação.

O SGQ  funciona um instrumento para ajudar o gestor a encontrar e corrigir processos ineficientes dentro da organização. Além disso, a ISO 9001 é uma forma de documentar a cultura da organização, permitindo que o negócio cresça mantendo a qualidade dos bens e serviços prestados.

Objetivos da ISO 9001

Os principais objetivos de um Sistema de Gestão da Qualidade são:

  • Atender aos requisitos do cliente com o objetivo de aumentar sua satisfação;
  • Obter uma visão da organização utilizando a abordagem de processos;
  • Assegurar a melhoria contínua do processo;
  • Medir e avaliar os resultados do desempenho e eficácia do processo;
  • Monitorar continuamente a satisfação dos clientes.

Vale destacar que a adoção de um SGQ é decisão estratégica de cada organização e que o desenvolvimento e a implementação são específicos para cada tipo de organização.

Benefícios da ISO 9001

São os inúmeros os benefícios da implementação da ISO 9001 em uma organização. O principal deles é o diferencial competitivo que uma empresa que implementou e obteve a certificação ISO 9001 passa a ter.

Conquistar a certificação representa um atestado de reconhecimento nacional e internacional à qualidade do trabalho, pois a ISO 9001 assegura boas práticas de gestão e relacionamento entre clientes e fornecedores. Além disso, possibilita maior desenvolvimento dos colaboradores, serve como alavanca na busca pela qualidade total, propicia condições para maior competitividade no mercado, otimização de processo e a redução de custos.

Mas por que falamos tanto em “diferencial competitivo”? Com a implementação e a certificação, uma empresa consegue:

  • Melhoria do desempenho do produto/serviço e, consequentemente, maior satisfação do consumidor;
  • Planejar e controlar de forma sistemática as rotinas de trabalho (padronização e definição de responsabilidades), eliminando retrabalho e dando mais agilidade aos processos;
  • Reduzir custos, já que a produtividade será maior;
  • Melhorar a comunicação, a moral e a satisfação dos colaboradores no trabalho;
  • Aumentar as oportunidades de mercado, já que muitas empresas grandes só compram de fornecedores que têm o selo ISO 9001;
  • Melhorar a imagem da empresa;
  • Reduzir riscos (os investimentos são mais seguros, uma vez que os processos são mais organizados e direcionados para melhor posicionamento) e melhorar a relação com fornecedores e investidores;
  • Desenvolver fornecedores: o reflexo da certificação sobre os fornecedores é notável, e eles passam a submeter-se a especificações mais precisas e parâmetros de qualidade mais rígidos. Quem ganha, no final das contas, é o cliente.

É por isso que afirmamos: obter a certificação ISO 9001 é um BAITA diferencial competitivo!

Informações adicionais sobre a ISO 9001

Elementos da ISO 9001

documentação da ISO 9001 está disponível para compra no site da ABNT e descreve os itens abaixo:

  • Prefácio
  • Introdução
  • Escopo
  • Referências normativas
  • Termos e definições
  • Contexto da Organização
  • Liderança
  • Planejamento
  • Apoio
  • Operação
  • Avaliação de desempenho
  • Melhoria
  • Anexo A
  • Anexo B
  • Bibliografia

Contudo, isto não quer dizer que os documentos acima listados sejam os únicos documentos necessários nos processos de implementação e certificação ISO 9001. Cada empresa deve avaliar os documentos necessários.

A norma ISO 9001 segundo o Inmetro

A ISO 9001 trata dos requisitos para um SGQ e é uma norma que permite às organizações verificar a consistência de seus processos, medir e monitorá-los com o objetivo de aumentar a sua competitividade e, com isso, assegurar a satisfação de seus clientes.

ABNT NBR ISO 9000 descreve os fundamentos de Sistemas de Gestão da Qualidade (SGQ) e estabelece os conceitos e a terminologia e um modelo de padronização para estes sistemas. No Brasil, o órgão que representa a ISO é a ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas).

De acordo com o Inmetro:

a ISO 9001 é a versão brasileira da norma internacional ISO 9001 que estabelece requisitos para o Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ) de uma organização, não significando, necessariamente, conformidade de produto às suas respectivas especificações. O objetivo da ISO 9001 é lhe prover confiança de que o seu fornecedor poderá fornecer, de forma consistente e repetitiva, bens e serviços de acordo com o que você especificou.

A ISO 9004 trata das diretrizes que consideram a eficiência de um SQG. O objetivo é melhorar o desempenho da organização e a satisfação de cliente e outras partes interessadas.

Vale lembrar que não existe certificação para as normas ISO 9000 e ISO 9004, somente para a ISO 9001.

Em resumo:
ISO 9000 – Conceitos e terminologias
ISO 9001 – Requisitos (para fins de certificação)
ISO 9004 – Diretrizes (para melhora de desempenho e eficácia)

Glossário

  • Requisito – Necessidade ou expectativas que é expressa, geralmente, de forma implícita ou obrigatória;
  • Melhoria contínua – Atividade para aumentar a capacidade de atender requisitos;
  • Processo – Conjunto de atividades inter-relacionadas ou interativas que transformam insumos (entradas) em produtos (saídas);
  • Produto – Resultado de um processo, pode também significar “serviço”;
  • Conformidade – Atendimento a um requisito;
  • Não-conformidade – Não atendimento a um requisito;
  • Evidência – Dados que apóiam a existência ou a veracidade de alguma coisa;
  • Competência – Capacidade demonstrada para aplicar conhecimento e habilidades;
  • Ação corretiva – Ação para eliminar a causa de uma não-conformidade identificada ou outra situação indesejada (prevenir sua repetição);
  • Ação preventiva – Ação para eliminar a causa de uma potencial não-conformidade ou outra situação potencialmente indesejada (prevenir sua ocorrência);
  • Infra-estrutura – Sistemas de instalações, equipamentos, informações e serviços necessários para a realização de uma operação na organização;
  • Ambiente de trabalho – Conjunto de condições sob as quais um trabalho é realizado;
  • Organização – Grupo de instalações e pessoas com um conjunto de responsabilidades, autoridades e relações, conjunto geralmente ordenado.