Guilherme Kiellander
Por Guilherme Kiellander

Como traduzir estratégia em processos

No seu dia-a-dia no mundo corporativo, você com certeza se depara com frequência com os termos estratégia e processos. Mas você alguma vez já parou para pensar no que eles realmente significam e na relação que deve existir entre eles? Nesse post, vamos falar um pouco mais sobre esses conceitos, a relação entre eles e, […]


No seu dia-a-dia no mundo corporativo, você com certeza se depara com frequência com os termos estratégia e processos. Mas você alguma vez já parou para pensar no que eles realmente significam e na relação que deve existir entre eles?

Nesse post, vamos falar um pouco mais sobre esses conceitos, a relação entre eles e, principalmente, como a estratégia adotada pela sua empresa pode ser incluída nos processos.

O que significam esses conceitos?

Se você acessar agora a Wikipedia para entender o significado de “processo” no mundo corporativo, vai encontrar a seguinte definição: “processo é a sequência de atividades realizadas na geração de resultados para o cliente, desde o início do pedido até a entrega do produto. De acordo com outro conceito mais moderno, que é multidisciplinar, é a sincronia entre insumos, atividades, infraestrutura e referências necessárias para adicionar valor para o ser humano”. Nas empresas os processos se tornam importantes por várias razões: atender exigências legais, garantir parâmetros de qualidade e manter a organização das atividades, por exemplo.

Já a palavra “estratégia” está definida na enciclopédia eletrônica como: “a forma de pensar no futuro, integrada no processo decisório, com base em um procedimento formalizado e articulador de resultados”. Ou seja, ter uma estratégia é fundamental para que uma empresa saiba onde quer chegar e quais os caminhos que serão escolhidos para isso.

Por que você deve construir seus processos como parte de sua estratégia?

Assim que sua empresa tiver uma estratégia bem definida, esta estratégia deverá ser transformada em um planejamento estratégico, que vai traçar quais os caminhos que serão utilizados para alcançar os seus objetivos. E é aí que entra a relação entre os processos e a estratégia. Uma vez que você souber quais caminhos vai usar é preciso garantir que seus processos estejam adequados para seguir por eles.

Alinhar seus processos com a sua estratégia é, portanto, fundamental para que ela tenha sucesso.

Como traduzir estratégia em processos?

Existem muitas coisas que você pode fazer para traduzir a sua estratégia empresarial em processos. Confira algumas delas:

  • Para que a estratégia permeie todos os processos, é fundamental que todos os colaboradores e gestores conheçam a fundo a estratégia e os objetivos da empresa, assim, além de contar com o comprometimento de todos, será mais fácil contar com toda a equipe na avaliação e remodelação dos processos. Assim, é possível garantir que a estratégia e os processos serão vistos não apenas como papéis com palavras bonitas, mas como diretrizes para guiar as ações e decisões na empresa.
  • Um outro ponto fundamental para o alinhamento entre os processos e a estratégia, é o mapeamento e a avaliação de todos os processos. Assim é possível identificar quais processos estão alinhados com a estratégia e quais precisam ser modificados.
  • Capacitar o seu time para a execução correta dos processos também é muito importante.
  • Avaliar os resultados continuamente é outra tarefa fundamental para determinar os processos que estão tendo sucesso e os processos que não estão funcionando.

Traduzir a estratégia em processos não é uma tarefa simples, mas é fundamental para o sucesso da sua empresa. Essa é uma missão que deve ser levada a sério e se refletir na cultura da organização e dos seus colaboradores para que todos trabalhem com os mesmos objetivos.

Em sua empresa como os processos são definidos? Até que ponto eles refletem a sua estratégia? Conte a sua experiência pra gente nos comentários.