gestão estratégica
Lucas Silva
Por Lucas Silva

Gestão Estratégica: 3 dicas para simplificar e aplicar na sua empresa – Simplificando a Gestão

Gestão estratégica é a definição clara de quais passos iremos dar para alcançar os sonhos/objetivos de sua empresa. Este assunto vem se tornando cada vez mais popular no mundo de negócios. Mas ainda assim é bem comum ter aquela “pulga atrás da orelha” sobre esse assunto…


Tempo de Leitura: 3 minutos

Gestão estratégica é a definição clara de quais passos iremos dar para alcançar os sonhos/objetivos de sua empresa. Este assunto vem se tornando cada vez mais popular no mundo de negócios. Mas ainda assim é bem comum ter aquela “pulga atrás da orelha” sobre esse assunto…

O que realmente é gestão estratégica? Por onde começo? São perguntas comuns que vamos desmitificar agora!

Sabe quando você tem aquela sensação de que trabalhou, mas parece que ao mesmo tempo não fez nada? Ou quando você percebe que o tempo está passando rápido demais, mas ainda assim não está atingindo o seu objetivo?

Então, isso acontece quando você não tem muita clareza, não tem um norte definido para sua empresa.  E não é somente o norte, neste artigo vamos mostrar o que é realmente fundamental para simplificar a gestão estratégica.

Primeiramente imagine uma escada, onde no final dela, no topo da montanha, está o seu grande sonho como empresário, aquele sonho que quando você olha para sua empresa no futuro imagina ela maior, mais sólida, faturando mais, dando mais lucro…

Imediatamente ao imaginar o futuro da sua empresa, logo vem aquela grande dúvida: “legal, mas como eu chego até lá?”

Pensando nisso, vamos falar sobre 3 dicas matadoras para que você consiga vislumbrar esse futuro para sua empresa e chegar ao topo da montanha:

1. Divida suas metas/objetivos em esforços num horizonte entre 6 meses a 1 ano

Um dos erros mais comuns ao tentar “desenhar” esse caminho, esse grande sonho, é tentar imaginar o caminho como um todo… então pegue esse seu grande sonho e dívida ele em metas menores, olhando para um horizonte entre 6 meses a 1 ano. É claro que a gestão estratégica refinada vai exigir uma série de trabalhos e atividades, mas aqui vamos dar uma dica de uma forma simples e que funciona de verdade. Primeiro, as perguntas que precisamos encontrar as respostas:

Onde você de fato quer chegar?

Não vamos olhar já nesse momento para o topo da montanha, mas onde você quer chegar daqui a 6 meses.

Como você quer chegar lá?

Vamos fatiar, detalhar, a resposta dessa pergunta em atividades objetivas.

Com isso, se estamos projetando um pensamento em 6 meses por exemplo, vamos criar metas/objetivos para serem atingidos de forma mensal. Fica muito tranquilo dessa maneira de identificar quais atividades temos que fazer para chegar lá em 6 meses.

2. Defina suas formas de monitoramento de acordo com o que foi traçado no horizonte de 6 meses e 1 ano

Se você realizar o seu planejamento estratégico utilizando a dica acima (pensando em um horizonte de 6 meses e 1 ano), você terá um plano estratégico muito eficaz, onde terá o controle e monitoramento de uma forma muito simplificada.

3. Divida os objetivos/sonhos com todos que te apoiem, deixe visível para todos possam saber sua gestão estratégica

Muitos empresários gastam uma grana fazendo o planejamento estratégico, mas acabam deixando esse trabalho dentro da gaveta.

Compartilhem isso com as pessoas que apostam na sua empresa, todos os colaboradores precisam saber:

  • Onde você quer chegar;
  • Como você vai chegar (quais são as tarefas), e;
  • Quais são os indicadores que mostram se vocês estão no caminho ou não.

Façam dessa maneira que com certeza toda a jornada para começarmos a fazer a tão comentada gestão estratégica vai ficar mais clara a partir de hoje e aquelas perguntas que mencionei logo no início do texto (sobre o tempo passar rápido demais e não alcançar seus objetivos) serão eliminadas.

Fica o desafio! Mãos a obra.