Daniela Albuquerque
Por Daniela Albuquerque

A importância da gestão do conhecimento organizacional para a continuidade do negócio

Qual a relação entre a continuidade do meu negócio e a gestão do conhecimento organizacional? Eventos não programados como uma crise econômica ou, até mesmo, programados como um plano de redução de custos podem forçar a empresa optar por decisões que levem a demissão de funcionários.


Essa ação de resposta a uma necessidade pode comprometer o desempenho organizacional ou interromper as atividades por um período, caso as informações e o conhecimento estejam sob domínio de um único colaborador ou gestor. Logo, a continuidade do negócio está intimamente ligada ao tema que iremos abordar, que é a gestão do conhecimento organizacional.

O que adianta ter o conhecimento e não compartilhá-lo para o bem da empresa? Os funcionários, gestores e executivos podem colaborar para as estratégias operacionais e não o fazem por falta de estímulo. Pior ainda, quanta informação se perde quando são demitidos. Por isso, crie meios que ofereçam condições para o compartilhamento livre de ideias, conhecimentos e lições.

5 Dicas para gerenciar o conhecimento organizacional em sua organização

Nesse post, daremos a você dicas valiosas de como criar um gerenciamento dos conhecimentos e informações da empresa sem que ela fique em posse de apenas um ou alguns poucos colaboradores e gestores. Venha aprender!

#1ª Dica: Estimule a busca constante por conhecimentos

Para compartilhar conhecimentos, primeiramente é preciso obtê-las. Muitas vezes, os colaboradores se interessam por temas relacionados aos objetivos da empresa, mas se especializar pode ser caro individualmente. A empresa pode estimular essa busca por qualificação fazendo parcerias com organizadores de eventos para seus funcionários participarem de palestras ou cursos de pequena duração com descontos.

#2ª Dicas: Descentralize a busca de soluções pelo gestor

Pela grande habilidade necessária para o gerenciamento de um negócio, muitas vezes, a busca por soluções e tomadas de decisões fica centralizada nos gestores da empresa. Isso pode ser um erro. A gestão compartilhada deve envolver todos os colaboradores na busca por soluções e auxiliar nas tomadas de decisões da organização. Além de ser uma ótima ferramenta de motivação, os conhecimentos e informações passam a ser compartilhadas.

Webinar - Recursos Humanos na ISO 9001

Veja como a ISO 9001 ajuda no gerenciamento de pessoas na sua organização. Este Webinar é gratuito, para assistir preencha corretamente o formulário abaixo!


Webinar

#3ª Dica: Faça reuniões periódicas para registrar as ideias e conhecimentos 

Talvez você não conheça o real potencial dos seus colaboradores até que os coloquem para debater ideias e discutir interesses que se alinhem com os objetivos da empresa. Você pode se surpreender com o nível de conhecimento organizacional que a equipe possui para compartilhar e complementar as estratégias gerenciais.

Para isso você pode e deve estabelecer uma rotina de reuniões com base nos resultados atingidos pela empresa semanalmente, por exemplo. Apresente os resultados e estimule o debate do que contribuiu para o alcance das metas ou o que impediu de atingi-las e solicite ideias para reverter o quadro na próxima semana. Registre formalmente todas as dificuldades apresentadas, os conhecimentos obtidos, lições aprendidas, ideias discutidas e soluções propostas.

#4ª Dica: Crie um canal de discussão de interesses e ideias

Seguindo a mesma linha de raciocínio apresentada no tópico anterior, você deve criar um canal virtual (blog, fórum, chats ou outra página dentro ou fora do sistema operacional) que estimule esse debate livre, mas que garanta o registro das informações. Um Debate com tema definido pode ser útil para enfrentar as dificuldades de determinado setor. Virtualmente, os registros podem ser mais eficiente, mas exige um gerenciamento mais cuidadoso para não ocorrer a perdas de dados.

#5ª Dica: Tenha um apoio profissional

Sem conhecimentos e habilidades necessárias, o planejamento e execução de algumas estratégias operacionais podem comprometer o sucesso da empresa. É preciso ter humildade e sabedoria para reconhecer tais limitações. Por isso, contar com o apoio de uma empresa de consultoria especializada pode fazer toda a diferença para o desenvolvimento do negócio e, de quebra, deixar a sua empresa apta para receber a certificação ISO 9001. Essa ajuda profissional poderá ser convertida em um alto poder de competitividade frente a concorrência.

Dica extra: Defina um método para a gestão do conhecimento organizacional com a ISO 9001

A ISO 9001 na versão 2015 trouxe essa preocupação para dentro do sistema de gestão. O propósito é salvaguardar a organização de perdas de conhecimento no caso de rotatividade de pessoas e encorajar a organização a adquirir conhecimento por meio de experiência, mentoreamento e comparando-se a referenciais do mercado.

Quer saber mais sobre a ISO 9001? Conheça o treinamento gratuito de entendimento da ISO 9001!

E você, o que faz para gerenciar as informações e o conhecimento organizacional da sua empresa? Conta para a gente!

Daniela Albuquerque

Daniela Albuquerque

Sócia e Especialista Chave em Templum Consultoria
Por ser apaixonada por qualidade e melhoria contínua de negócios e pessoas sou a Sócia Responsável pelo Sucesso do Cliente na Templum por meio de mentoria e treinamento interno das equipes de consultores e atendimento ao cliente e da elaboração de produtos, treinamentos e conteúdos que permitem o fortalecimento das empresas.
Formada em Comunicação Social, MBA em Gestão de Negócios e especialista em Sistemas de Gestão Integrada.
Daniela Albuquerque