PDCA, a ferramenta

Entenda o ciclo de quatro passos para alcançar a qualidade exigida pela ISO 9001 nos processos da empresa

Manter padrão e qualidade não é um diferencial que uma empresa pode oferecer, mas sim a maneira desta empresa se manter competitiva e ascendente no mercado. Depois de ter entendido o valor do investimento no padrão de qualidade, a empresa precisa fazer a transição para um estilo de administração focado na qualidade.

Para isso, devem adequar seus processos aos padrões internacionais, como os estabelecidos pela ISO, por exemplo. Mas, por onde começar?

Uma das maneiras de realizar a análise dos processos e alterá-los de acordo com as normas internacionais de qualidade é um procedimento de quatro passos chamado ciclo PDCA. A sigla vem do Inglês: Plan, Do, Check, Act (Planejar, Executar, Verificar e Agir). O próprio nome descreve as etapas que as empresas devem que realizar para adequar os processos.

O PDCA se tornou popular depois de utilizado pelo consultor norte-americano William Edwards Deming (1900-1993), considerado por muitos o pai do controle de qualidade. “Você pode esperar o que você inspeciona”, disse certa vez, ao enfatizar a importância de analisar e testar os processos para prever os resultados.

 

Planejamento (plan)

O planejamento começa com o estabelecimento dos objetivos para alcançar os resultados esperados. Para isso, a análise dos processos deve ser realizada com o levantamento dos dados e do fluxo dos processos vigentes.

Execução (do)

Depois de planejar os processos e estabelecer os objetivos, é preciso executar as mudanças; isto é, colocar em prática os processos estabelecidos no planejamento. Para garantir que a execução seja bem sucedida, todos os envolvidos devem passar por treinamento.

Verificação (check)

Na etapa da verificação, é preciso checar se as alterações executadas nos processos surtiram o efeito desejado. É como a primeira avaliação depois da mudança ter sido colocada em prática para verificar se o resultado foi atingido.

Se os resultados estiverem dentro do padrão estabelecido, isso quer dizer que os objetivos foram alcançados. Caso contrário é preciso propor novos objetivos, também como novas metas.

Ação (act)

A etapa da ação é aquela na qual a mudança dos processos é colocada novamente em prática, depois de serem checadas na etapa da verificação. Se os resultados planejados não foram alcançados com a verificação, a mudança deve ser aplicada.

Na etapa da Ação é preciso rever todos os passos do PDCA (planejamento, execução, verificação e ação) e modificar o processo para melhorá-lo antes de colocá-lo em prática novamente.

Nem sempre o objetivo é alcançado na primeira aplicação das mudanças nos processos. Por isso, é preciso identificar a causa, realizar executar as correções necessárias nos procedimentos e realizar treinamentos. Isso faz do PDCA um ciclo que tem o objetivo de melhorar e manter a qualidade dos processos dentro de uma empresa.