Camila Marcocci
Por Camila Marcocci

Como conseguir a certificação do PBQP-H?

Para obtenção do PBQP-H, a empresas deve implementar os requisitos exigidos pela norma do SiAC,. Primeiramente é aconselhável um planejamento para uma boa implementação a fim de garantir o cumprimento das exigências com eficácia.


Tempo de Leitura: 4 minutos

Confira aqui o passo a passo de como conseguir a certificação do PBQP-H (Programa Brasileiro da Qualidade e Produtividade do Habitat).

 

Para obtenção do PBQP-H, a empresas deve implementar os requisitos exigidos pela norma do SiAC. Primeiramente é aconselhável um planejamento para uma boa implementação a fim de garantir o cumprimento das exigências com eficácia.

O processo para certificar-se no programa é simples, porém exige tempo e dedicação!

Veja abaixo o passo a passo necessário para que a sua empresa consiga o certificado no programa do PBQP-H.

 

Implementação do SiAC:

Na primeira etapa será necessário implementar os requisitos exigidos pelo SiAC e para ter sucesso nessa parte do processo a empresa precisa buscar:

Conhecer a norma SiAC

Dentro do programa de qualidade está a norma do SiAC (Sistema de Avaliação da Conformidade de Empresas de Serviços e Obras) e esse é o principal ponto para obtenção do certificado. O SiAC tem o objetivo de avaliar a conformidade da qualidade das empresas de construção civil. Assim, ele analisa suas características de atuação, com base na norma ISO 9001.

Os princípios do SiAC são:

  • Contar com abrangência nacional e flexibilidade;
  • Ter caráter evolutivo e pró-ativo;
  • Manter sigilo e transparência;
  • Trabalhar com independência;
  • Buscar harmonia com o INMETRO.

Adequar sua empresa às exigências da norma:

Sua empresa deverá avaliar todas as exigências da norma e iniciar o processo para implementá-las. Essa implementação acontece conforme etapas abaixo:

#1. Gestão estratégica e abordagem de processos:

Nesse primeiro momento entenderemos as particularidades, a estratégia da sua empresa e a estrutura de operação da sua empresa.

#2. Documentos gerais:

Nessa etapa faremos a definição de como será a estrutura da informação da sua empresa, ou seja, utilizaremos um software, uma pasta nas nuvens, um pen drive… e também definiremos como todos os funcionários terão acesso às informações relevantes do sistema de gestão. É uma etapa muito importante para o sucesso do projeto.

#3. Concepção dos empreendimentos:

Bom, agora que já entendemos a empresa, precisamos conhecer e entender os empreendimentos em andamento e em qual fase eles se encontram. Também identificamos nessa etapa qual é o status desses projetos em relação à NBR 15575.

#4. Planejamento de Obra:

Nessa etapa definiremos o método para o planejamento das obras e a adequação das obras em andamento conforme requisitos legais, adequação de canteiro de obras e armazenamento correto dos materiais.

#5. Execução de Obra:

Assim, com o planejamento da obra definido, vamos iniciar a obra, implementando os procedimentos de execução dos serviços controlados e verificando os serviços através das fichas de verificação, denominadas como FVS.

#6. Compras:

Com a área de armazenamento de materiais já apta para receber os materiais, definimos critérios claros para compra de materiais, contratação de serviço e homologação dos fornecedores que atuam com a sua empresa.

#7. Gestão de Treinamentos:

Com todos os métodos já definidos, chegou o momento de treinar toda a equipe para a execução correta de todos os procedimentos que foram definidos.

#8. Gestão administrativa:

Por isso, agora que os empreendimentos já estão adequados, precisamos dar atenção para os processos internos, como comercial, liberação de obras, assistência técnica pós-obra.

 

Ficou interessado? Veja aqui detalhadamente os requisitos da norma.

Auditoria Interna

Ao final da implementação, acontece uma pré-auditoria para certificação do PBQP-H. Essa auditoria auxilia na identificação de pontos falhos e que ainda necessitam de atenção antes da auditoria definitiva, capaz de aprovar ou não a construtora.

Nela são analisadas se as exigências das normas SiAC estão sendo atendidas e se sua empresa está pronta para ir para a fase final.

Ou seja, esta avaliação dá à construtora a chance de corrigir os erros do processo e garantir uma boa auditoria de certificação.

E então a Templum inovou mais uma vez e criou a Auditoria 4.0 que é feita de forma remota! Saiba mais sobre a Auditoria 4.0 e como ela pode ser útil para você e sua empresa!

Auditoria de Certificação

Dessa forma, o último passo é a contratação de um órgão certificador, que irá realizar a auditoria oficial e, caso aprove a organização, emitir o certificado. Lembrando que o nível de adesão não é certificado.

Assim, os principais erros identificados nessa etapa são:

  • Falta de rastreabilidade de todos os materiais cuja qualidade não possa ser assegurada por meio de medição e monitoramento realizados antes da sua aplicação. Por exemplo: o concreto deve ter um mapa de concretagem e controle tecnológico;
  • Procedimentos de execução de serviços que não declaram exatamente o que está sendo executado;
  • Falta de verificação dos dispositivos de medição;
  • Armazenamento inadequado dos materiais controlados;
  • Falta de treinamentos relacionados à execução do serviço;
  • Descrição de cargos que não condizem com a realidade da empresa;
  • Falta da comprovação das competências como escolaridade, treinamentos, experiência, entre outros;
  • Falhas no manual da qualidade onde não são informados: o nível pretendido para a certificação, referência à norma auditada e sua revisão e que, muitas vezes possuem informações que contradizem os procedimentos existentes, entre outros.

Então você se questionará, como fazer para que a minha empresa não tenha esses erros citados acima e possa se preparar melhor para a certificação? Temos todas as respostas!

 

[Construção Civil] PBQP-H Confira os Benefícios do PBQP-H

 

Por isso, agora que você já entendeu como conseguir a certificação do PBQP-H, clique no banner para entrar em contato com um de nossos especialistas.

PBQP-H: qual o custo para certificação?

Camila Marcocci