Tempo de Leitura: 4 minutos

Você sabia que a ISO 56002 pode ser uma importante aliada no crescimento e destaque do seu negócio? Mais de 150 empresas ao redor do mundo já a adotaram, sendo quatro delas nacionais.

Não há como negar e escapar da importância da inovação no atual contexto econômico que vivemos. Se diferenciar frente aos concorrentes não é simples, mas exige preparo e uma excelente estratégia organizacional que, quando aliada à projetos pautados na inovação, podem trazer resultados muito mais eficientes.

Isso foi comprovado em uma pesquisa feita pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) em 2019. Os dados mostraram que um a cada três empresários acredita que a indústria brasileira precisará dar um salto de inovação nos próximos cinco anos para garantir a sustentabilidade dos negócios em curto e longo prazos.

Por isso, a International Organization for Standardization (ISO) criou a ISO 56002 – também conhecida como ISO de inovação – como forma de auxiliar as organizações que já se atentaram a essa necessidade.

Sua proposta é, justamente, incentivar as organizações a pensarem e agirem fora da caixa, por meio de ações pautadas na inovação. Quando implantada de forma organizada, os benefícios podem ser excelentes.

Ficou curioso para saber mais sobre a ISO 56002 e como pode contribuir para uma gestão de inovação no seu negócio? Então você está no lugar certo! Veja os tópicos que serão abordados:

Vamos lá!

O que é a ISO 56002?

A ISO 56002 é uma norma de diretrizes voltada para a elaboração de um sistema de gestão de inovação.

Ela foi publicada pela ISO (International Standards Organization), uma organização não governamental internacional fundada em 1947, em Genebra, Suíça. No total, existem mais de 22 mil normas técnicas criadas pela instituição – dentre elas, a 56002, também conhecida como ISO de inovação.

Para que fosse desenvolvida, seus próprios membros entraram em comum acordo sobre o que de fato é considerado como uma inovação. Afinal, a definição deste termo é muito discutida mundialmente, com pesquisadores, especialistas e profissionais do ramo ficam em dúvida sobre essa resposta.

Por isso, a ISO firmou uma definição para auxiliar todos que se interessarem pela norma. Para ela: “uma inovação pode ser um produto, serviço, processo, modelo, método ou a combinação de qualquer uma delas. O conceito de inovação é caracterizado por novidade e valor. Isso significa que ideias e invenções sem a manifestação de valor não são inovações”.

Essa definição foi extremamente importante para as empresas que fossem adotá-la. Ela ampliou o leque de opções, mostrando que a inovação pode surgir de qualquer lugar com diversas possibilidades de usá-la à seu favor.

Quais são os benefícios dessa norma?

Muitos se questionam como uma norma pode ser benéfica e auxiliar seus negócios a inovarem. Muitas delas realmente são mais engessadas, mas esse não é o caso da ISO 56002.

Ao contrário das outras existentes, ela é uma norma de diretrizes. Isso significa que sua função é apontar os melhores caminhos e estratégias a serem seguidos por cada empresa, de acordo com suas necessidades e objetivos.

Diante de uma crescente necessidade de processos inovadores no mercado de trabalho, a ISO 56002 dá vida a novas ideias e posturas que irão aproveitar o melhor que o ambiente e as pessoas têm a oferecer para uma organização.

Mas além disso, a norma ajudará a controlar os processos internos, extraindo o melhor de cada fonte e ampliando o engajamento entre os colaboradores. Tudo isso contribuindo para aumento de seu market share e do valor agregado de seus produtos.

De forma geral, a ISO de inovação proporcionará, dentre muitos outros benefícios, uma melhor capacidade de lidar com incertezas; redução de custos; aumento da produtividade e melhor reputação da empresa no mercado.

Quais os requisitos para obter a ISO 56002?

Uma ótima notícia para aqueles que estão interessados por essa norma: não existem pré requisitos!

Qualquer empresa pode implantar a ISO 56002, independente de seu porte ou segmento. O processo é completamente flexível levando em consideração o que cada um deseja conquistar.

O único ponto que deve ser destacado é que ela só certifica pessoas jurídicas. Isso significa que para obter seu certificado, é necessário possuir um CNPJ.

Como implementar a ISO 56002?

O processo de implementação da ISO 56002 abrange cinco etapas: assessment; comitê de inovação; metodologia de implementação; auditoria interna e de certificação.

O assessment é um diagnóstico da empresa. Ele irá avaliar o nível de aderência dos processos de inovação do negócio em relação à norma – ou seja, quantos ou quais processos de inovação sua empresa já utiliza.

Com esse diagnóstico em mãos, é definido o comitê de inovação da empresa. Nesse momento, devem ser definidos os membros que serão responsáveis por garantir a criação e o funcionamento do sistema de inovação durante todo o processo.

Essas definições são indispensáveis para que comece, de fato, a metodologia de implementação. É aqui que será elaborado o plano estratégico do sistema, assim como o prazo de realização e ferramentas a serem usadas.

Ao final dessas etapas, sua empresa estará com o sistema de inovação pronto para a auditoria interna. Neste momento, uma pessoa de fora irá analisar todo o trabalho feito pela organização a fim de identificar possíveis pontos de melhoria.

Caso seja comprovado que a empresa seguiu com todos os critérios da ISO de inovação, ela irá para a última fase do processo de implantação: a auditoria de certificação. Realizada por uma outra empresa – normalmente uma certificadora – ela quem irá validar todos os itens normativos e tem o poder de afirmar que aquela empresa está em conformidade com a ISO 56002.

Conclusão

A ISO 56002 está ganhando força no mundo corporativo. Cada vez mais empresas estão implantando essa norma e percebendo seus enormes benefícios de produtividade e crescimento para o seu negócio.

Caso seja o seu caso, é importante conhecer a fundo os princípios da norma e, ainda, contar com a ajuda de companhias especializadas em sua implementação.

Para falar com um especialista, basta clicar aqui!