Skip to main content
Tempo de Leitura: 2 minutos

O que devemos nos atentar sobre um organograma funcional?

Organograma Funcional não representa as relações hierárquicas, e sim as relações funcionais da organização.

Ele começa de cima para baixo. O cargo mais importante da empresa deve ser destacado no primeiro item (um quadrado com o nome do cargo) – exemplo, presidente – vai descendo até chegar as partes operacionais.

Quando elaboramos um organograma Funcional para o Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ) é comum deixarmos a figura do Representante da Direção (RD), abaixo do Presidente ou Diretor. O mesmo tem a função de gerir o sistema reportando a alta direção as ocorrências detectadas no sistema e também reportar aos outros cargos as determinações feitas pela direção.

Para facilitar o entendimento veja a imagem abaixo:

Ferramentas que podem ser utilizadas para fazer um organograma funcional

Para finalizar o texto, nada melhor do que citar algumas ferramentas para ajudar na criação de um organograma funcional.

#1º Canva

O Canva é uma ferramenta de design gráfico online com diversos recursos, inclusive para criação de organogramas. Ideal para quem precisa de simplicidade. São diversos modelos já prontos que podem ser facilmente adaptados. A ferramenta é gratuita e está disponível também em português.

Quer saber mais sobre o Canva, acesse o site.

#2º Excel

Não é a principal função do Excel, mas quebra bem o galho. Através da criação de símbolos ou até utilizando o recurso SmartArt do próprio software é possível desenvolver um organograma para sua empresa.

#3º Power Point

Mais uma ferramenta que compõe o pacote Office e que pode ajudar e muito na tarefa de desenvolver um organograma funcional. O software possui algumas semelhanças de recursos com o Excel, porém o visual e layout do programa é bem mais agradável para criação de recursos gráficos. Além disso, o programa tem uma alta aceitação em diversas organizações.

Daniela Albuquerque

Daniela Albuquerque

Diretora Técnica na Templum Consultoria