Skip to main content
Tempo de Leitura: 3 minutos

Consegui a Certificação, mas e agora, tudo certo?

Após toda a euforia pela busca da certificação do Sistema de Gestão da Qualidade, muitas empresas se perdem no que deve ser feito posteriormente e acreditam que é somente conseguir o certificado e tudo estará resolvido. Entretanto, o processo de implantação e a certificação é o primeiro passo, agora a empresa precisa manter o seu SGQ e buscar a melhoria contínua.

Portanto, não adianta fazer o certo para a certificação e não continuar fazendo depois. A empresa deve sempre melhorar seus resultados, seus processos e sua capacidade de atender aos requisitos dos clientes e demais partes interessadas, como acionistas, fornecedores e colaboradores.

Além disso, precisamos relembrar que o clico de certificação são de 3 anos, e que o segundo e terceiro ano são destinados a manutenção do certificado e do SGQ, onde o auditor irá analisar todas as melhorias que foram realizadas ao longo desse tempo, além de conferir como estão sendo realizado os registros e atendimento aos procedimentos determinados.

Já sei que não basta certificar, mas como mantenho meu certificado e o sistema de gestão?

Lembra do método PDCA que as normas ISO determinam? Ele também será nossa metodologia para a manutenção e melhoria do SGQ. Confira na imagem a seguir como podemos manter o SGQ pelo método PDCA.

Ciclo PDCA

Planeje na sua rotina e dos demais setores da empresa as atividades do Sistema de Gestão. Para isso realize treinamentos e reuniões com os colaboradores sobre como executar as atividades de acordo com a proposta estabelecida nos procedimentos e como realizar e manter os registros. Se você contratou novos profissionais, estes devem ser treinados durante a admissão e repassar por treinamentos periódicos com a equipe.

Acompanhe a evolução e melhoria contínua dos processos por meio dos indicadores da qualidade definidos, continue atualizando e acompanhando as medições e os resultados. Divulgue os resultados e quando estes não forem alcançados reflita com a equipe o que pode ser melhorado ou até mesmo modificado.

Além disso, sempre analise se os indicadores ainda são coerentes com a evolução da empresa e se for preciso adeque e melhore seus objetivos, indicadores e metas, bem como os Procedimentos, Política e o Manual da Qualidade.

Não aguarde um ano para realizar auditorias internas, faça de forma periódica, pois auxiliam a organização a alcançar seus objetivos, avaliando a melhoria da eficácia dos processos e no gerenciamento de riscos, além de adicionar valor e melhoraria nas operações e resultados da sua organização.

Realize reuniões de análise crítica também de forma periódica, é nesse momento que a Alta Direção verifica a eficácia do SGQ implementado e as Ações de Melhoria Contínua deverão ser propostas e executadas.

Sabemos que um Sistema de Gestão da Qualidade não é feito somente das atividades descritas acima. Mas essas são parte essenciais de uma rotina que precisa ser realizada e que aos poucos são incorporadas na empresa.

Portanto, quando o sistema de gestão da qualidade integra o dia-dia da empresa, não é preciso mais se preocupar com auditorias, pois a gestão da empresa fica completamente alinhada a sua cultura.

E como resultado de todo esse processo bem feito, mantemos o SGQ e consequentemente temos a sua evolução.

Sua empresa já possui um sistema de gestão estruturado? A Templum pode te ajudar nessa!

 

Rafaella Araújo Silva

Rafaella Araújo Silva

Consultora na Templum Consultoria