5s e housekeeping
Daniela Albuquerque
Por Daniela Albuquerque

Diferenças entre o Programa 5S e Housekeeping

Programa 5S e Housekeeping apesar de terem em seu DNA o tema organização, os conceitos apresentam diferenças cruciais. Ao longo do texto veremos as principais diferenças entre estas ferramentas e como definir elas sem ser confundir. No final daremos dicas de outros textos para ajudar você a se aprofundar no tema.


[Total: 1    Média: 5/5]

Na verdade esse post já começa um pouco confuso, porque afinal 5S e Housekeeping não são as mesmas coisas, porém um sendo uma expressão inglesa e outro uma expressão japonesa?

Durante muito tempo esses dois programas foram difundidos como sendo sinônimos, mas a verdade é que são metodologias diferentes. O Housekeeping, assim como sua tradução, possui o conceito de “arrumar a casa”, sendo um programa voltado para o aspecto físico da empresa, enquanto o 5S está voltado para uma mudança de paradigma no comportamento da empresa.

Kit - ISO 9001:2015

Reunimos um arsenal com documentos, treinamentos e materiais exclusivos sobre a ISO 9001:2015. Para acessar, basta preencher corretamente o formulário abaixo!


Kit

Mas… como assim?

Já é sabido que o programa 5S foi criado no Japão ao final da segunda guerra mundial como forma de reconstruir o país que foi destruído. Por isso tem-se a impressão que é um programa de organização.

Porém, não estamos falando apenas da reconstrução física do país, pelo contrário também nos referimos a recuperação de uma economia. Naquele momento era necessário se reinventar e retirar todo o excesso da produção. Para isso eles criaram uma metodologia cujo foco é eliminar desperdícios e aumentar a produtividade de uma empresa.

É claro que para eliminar desperdícios é necessário primeiramente saber reconhecer o que está a mais. Para isso, precisamos nos organizar (1ºS e 2ºS) e depois limpar e educar! É importante perceber que no 5S o foco são as pessoas e não o ambiente, diferente do Housekeeping, porque sem a mudança dos envolvidos, não existe manutenção dos padrões que foram estabelecidos e acordados.

É por esse erro de abordagem que apenas 20% das empresas conseguem manter um programa 5S por mais de 02 anos e apenas 2% conseguem implementar o 4º e 5ºS*.

E você gestor? Alguma vez já tentou aplicar essa metodologia em sua empresa?

Que tal começar agora?

Temos diversos textos que explicam a importância do 5S e como utilizá-lo, seguem alguns:

 

*dados publicados na Banas Qualidade – agosto/2010

Daniela Albuquerque

Daniela Albuquerque

Sócia e Especialista Chave em Templum Consultoria
Por ser apaixonada por qualidade e melhoria contínua de negócios e pessoas sou a Sócia Responsável pelo Sucesso do Cliente na Templum por meio de mentoria e treinamento interno das equipes de consultores e atendimento ao cliente e da elaboração de produtos, treinamentos e conteúdos que permitem o fortalecimento das empresas.
Formada em Comunicação Social, MBA em Gestão de Negócios e especialista em Sistemas de Gestão Integrada.
Daniela Albuquerque